Revi Bom Jesus/Ielusc

>>  Joinville - Terça-feira, 07 de dezembro de 2021 - 12h12min   <<


chamadas

Matéria 8691, publicada em 02/07/2009.


:Jéssica Michels

Clínica tem quatro salas, duas só para consultas

Curso de Nutrição inaugura Clínica Escola

Jéssica Michels



O Bom Jesus/Ielusc inaugura na quinta-feira (2 de julho) a sua Clínica Escola de Nutrição. A cerimônia acontece às 19h30, na unidade Saguaçu. O projeto da Clínica Escola vai mobilizar estudantes do 6º período de Nutrição juntamente com um professor supervisor para atender gratuitamente pessoas em risco socioeconômico. “Essa clínica é um excelente aprendizado, é onde os alunos podem treinar e mostrar os seus resultados”, explicou a professora Laylla Marques Coelho, coordenadora do projeto.

O atendimento nutricional se divide em três etapas: a orientação, a avaliação e a educação nutricional. A clínica irá cumprir todos esses processos na abordagem de obesidade, hipertensão arterial, alergias alimentares, anemia ferro-criva, desnutrição, diabetes, constipação e displidemia. A estrutura oferecida ao público é composta de quatro salas para o atendimento – sendo duas exclusivamente para consulta – e dispõe de computadores com programas específicos para fazer os cálculos nutricionais.

A Clínica Escola de Nutrição tem parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, que apenas fará o encaminhamento de pessoas carentes para serem atendidas, sem conceder apoio financeiro. Como ainda não existe uma nutricionista nos postos de saúde de Joinville, confirmou-se a necessidade de criar uma clínica-escola para oferecer gratuitamente esse serviço. “Temos também esse tipo de parceria com a Univille e com a Associação Catarinense de Ensino (ACE) nos cursos de Terapia Ocupacional e Psicologia”, disse Laylla.

Para a solenidade de inauguração foram convidados todos os nutricionistas e a comunidade médica de Joinville. “É importante salientar que esse projeto não irá concorrer com os consultórios nutricionais da cidade, pois só iremos atender as pessoas que não têm condições. O objetivo é ajudar a população”, ressaltou a coordenadora.

A elaboração do projeto da Clínica Escola começou neste ano, fruto do trabalho de Laylla Marques e da coordenadora do curso de Nutrição, Márcia Schneider. Um dos critérios previstos para que o candidato a atendimento seja classificado na categoria de risco socioeconômico – e cadastrado como usuário da clínica – é ter renda de até três salários mínimos e não possuir convênio médico. A clínica funcionará de terças a sextas-feiras, das 15h30 às 17h30 e pode ser contatada através do telefone (47)3032-8805.

800x600. ©2005 Agência Experimental de Jornalismo/Revi & Secord/Rede Bonja.