Revi Bom Jesus/Ielusc

>>  Joinville - Sábado, 04 de dezembro de 2021 - 05h12min   <<


chamadas

Matéria 7329, publicada em 21/10/2008.


:Sidney Azevedo

Alunas de Jornalismo usam internet via wireless

Conexão sem fio implantada na biblioteca

Sidney Azevedo


Começou a funcionar dia 14 de outubro, a partir da biblioteca Castro Alves, o access point (ponto de acesso) para conexão sem fio à internet. O aparelho, adquirido mês passado pelo Secord, foi instalado no balcão. A velocidade do distribuidor é de 54 MB pela operadora a GVT. O aparelho custou R$ 462 e sustenta de 20 a 30 conexões simultâneas 2 MB cada uma.

Até o momento a conexão wirelles (sem fio) abrange toda a biblioteca, parte do bloco C (da sala C-28 à C-34) e do pátio (até o quiosque). Jean Rafael Schultz, analista de sistemas do Secord, afirma que qualquer barreira física pode diminuir a qualidade da conexão, o que exige um estudo para ver até onde são possíveis os acessos e se será necessário mais uma antena para cobrir a faculdade.

O aparecimento cada vez mais constante de notebooks na biblioteca, alavancado principalmente por monografistas que passam a resolver de modo mais rápido revisões com seus orientadores, levou à compra do ponto de acesso sem fio à internet. Às 15h30 da tarde desta segunda-feira (20 de outubro) havia seis computadores portáteis sendo usados na biblioteca, a maioria por alunos de Enfermagem, que concluíam trabalhos de aula. Segundo a bibliotecária Maria da Luz Machado, esse movimento é uma “tendência da tecnologia e sentiu-se mais intensamente desde o fim do semestre passado, quando o número de pontos de rede ficou pequeno”. Maria aponta a necessidade de mais saídas de energia para recarregar as baterias dos portáteis, algumas vezes alimentadas com as tomadas do balcão da biblioteca.

Houve apenas dois casos, até então, de problemas com o novo acesso à Internet devido a configuração não adequada ao uso da rede wireless. O sistema apenas permite a navegação em rede e seu uso está condicionado a uma senha pública, que será trocada mensalmente, a qual os interessados podem pegar na biblioteca ou no Secord. As pastas públicas dos cursos ou outros espaços não podem ser acessados pelos usuários da rede sem fio.

800x600. ©2005 Agência Experimental de Jornalismo/Revi & Secord/Rede Bonja.