Revi Bom Jesus/Ielusc

>>  Joinville - Terça-feira, 07 de dezembro de 2021 - 13h12min   <<


chamadas

Matéria 5521, publicada em 11/02/2008.


:Eberson Teodoro

Erivellto e Leandro: experiência radiofônica valoriza trajetória acadêmica

Udesc FM abre vaga para bolsista

Maellen Muniz


A partir do dia 25 de fevereiro a Rádio Educativa Udesc FM terá um novo bolsista do Bom Jesus / Ielusc. O candidato à bolsa deve ter cursado a disciplina de Produção e Difusão em Rádio I, conhecer as noções básicas de edição nos softwares utilizados e ter disponibilidade para trabalhar de segunda a sexta-feira, das 8 às 12 horas.

As inscrições serão feitas na coordenação de comunicação social com a secretária Eliziane Reinert até o dia 15. A entrevista e o teste prático ocorrerão na tarde de 18 de fevereiro na Rádio Udesc FM e o resultado sairá no dia 19. Clique aqui para ver o Edital.

A parceria entre o Bom Jesus / Ielusc e a Rádio Udesc FM existe desde abril de 2006. O primeiro bolsista, que teve o contrato renovado e trabalhou por um ano, foi Erivellto Amaranth. Leandro Schmitz assumiu a bolsa na metade de 2007 e deixou a rádio em dezembro para trabalhar na Whirlpool S.A. Unidade de Eletrodomésticos (antiga Multibrás).

Leandro afirma ter se profissionalizado na área. Segundo ele, o mercado radiofônico em Joinville é muito fechado e a Udesc dá a oportunidade para quem gosta de rádio e pretende atuar na cidade. Agora, o ex-bolsista está trabalhando na área de comunicação institucional, e dá a dica para seu sucessor: “Não adianta entrar lá pelo dinheiro, porque hoje 300 reais não são nada, mas sim pela experiência. Sugiro que o novo bolsista goste muito de rádio, pois poderá profissionalizar-se”.

Imagine passar a manhã escutando Jazz, MPB e Bossa Nova. Uns não apreciariam, mas Erivellto afirma que a experiência na Udesc FM foi uma das mais incríveis de sua vida. Além de trabalhar ouvindo os estilos musicais de seu gosto, o ex-bolsista participava de diversas atividades. Fazia desde locuções em programas informativos e musicais a chamadas ao vivo. Entre eles “Conversa e Poesia”, “Udesc Notícias” e conferia ao vivo a previsão do tempo com o Climerh. “Curti muito trabalhar na Udesc. Em Joinville é um dos poucos veículos que faz jornalismo com a coordenação de um jornalista”, ressalta.

800x600. ©2005 Agência Experimental de Jornalismo/Revi & Secord/Rede Bonja.