Revi Bom Jesus/Ielusc

>>  Joinville - Sexta-feira, 28 de janeiro de 2022 - 02h01min   <<


chamadas

Matéria 5152, publicada em 18/10/2007.


:Divulgação

Fevereiro da Silva em apresentação no Old Music Bar

Fevereiro da Silva participa da Semana Acadêmica


Para embalar a última noite da Semana Acadêmica, uma das atrações será a banda Fevereiro da Silva. Composto por André Steuernagel (trombone), Lucas Machado (bateria), Daniel Moura (baixo), Hélio de Sousa (trompete) Augusto Ginjo (guitarra) e Ricardo Borges (vocal), o grupo apresenta o que chama de "proposta de rock alternativo".

A banda existe há três anos e freqüentemente aparece no cenário musical dos bares de rock da cidade. No início eram somente Ricardo Borges e Lucas Machado, que uniram a amizade e resolveram começar a compor músicas. A tarefa de Ricardo foi elaborar as letras e assumir o vocal, enquanto Lucas cuidava do violão, que depois de algum tempo foi trocado pelo cavaquinho.

Entraram em seguida Marconi Silva, Daniel Rosendo e Tiago Brum. Lucas Borges, o irmão de Ricardo, foi chamado para a guitarra. Após suar as camisas, montar e desmontar aparelhos, a banda conseguiu sua primeira apresentação: com nome de Ammusia, se apresentou na Sociedade Avaí, no bairro Vila Nova, em Joinville.

Com o vaivém de integrantes e a palavra persistência presente na rotina da banda, Ricardo, Lucas e Hélio (que foi convidado para tocar trompete) decidiram continuar em um novo projeto. O conjunto então recebeu o nome de Fevereiro da Silva para o primeiro show em julho de 2007. A idéia do nome surgiu para mostrar a mistura de cada integrante. O sobrenome Silva foi consenso, e a opção por fevereiro foi baseada na idéia de que é o mês mais curto do ano, quando há várias festas e o ano “começa de verdade”.

Veja uma apresentação da banda no YouTube

800x600. ©2005 Agência Experimental de Jornalismo/Revi & Secord/Rede Bonja.