Revi Bom Jesus/Ielusc

>>  Joinville - Sexta-feira, 28 de janeiro de 2022 - 04h01min   <<


chamadas

Matéria 5133, publicada em 17/10/2007.


:Google/Imagens

?

Para os alunos que não sonham em apresentar o JN


“Odeia a mídia? Seja a mídia.” O lema do Centro de Mídia Independente (CMI) resume o espírito desta organização que pretende ser o canal de manifestação de todo o grupo, ou pessoa, que não tem acesso aos meios comerciais de comunicação. A proposta da oficina de Produção em Mídias Alternativas, na noite de terça-feira, dia 23, é mostrar que existem outras formas de atuação para quem não está satisfeito com a perspectiva de se “enquadrar” no mercado de trabalho tradicional.

Para Camila Betoni, do CMI, "a oficina de mídia alternativa têm como tema as práticas de resistência midática dos movimentos de resistência global, coletivos autonômos e indivíduos frente aos bloqueios e à desinformação da mídia corporativa. “

Além de Camila, Carlos Santos e Pedro Motta apresentarão aos participantes os princípios do CMI e relatos deste grupo de produtores independentes e do movimento Rádios Livres do Brasil.. Na oficina, também serão ensinadas algumas noções práticas de como montar uma rádio livre.

Camila Betoni explica que o objetivo do CMI Brasil é “oferecer ao público informação alternativa e crítica de qualidade com o objetivo de contribuir para a construção de uma sociedade livre, igualitária e que respeite o meio ambiente.”

A oficina será ministrada na sala C-22, a partir das 19 horas.


800x600. ©2005 Agência Experimental de Jornalismo/Revi & Secord/Rede Bonja.