Revi Bom Jesus/Ielusc

>>  Joinville - Sábado, 04 de dezembro de 2021 - 05h12min   <<


chamadas

Matéria 1350, publicada em 25/08/2005.


Evento acontece em setembro no Rio de Janeiro

Erivellto Amaranth

Professores do Bom Jesus/Ielusc participam em setembro do 28º Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, no Rio de Janeiro. O evento, que ocorrerá entre os dias 5 e 9, é promovido pela Intercom (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação) e se transformou em um dos mais importantes eventos científicos, reunindo professores, pesquisadores e profissionais de comunicação do Brasil e do mundo. “Ensino e Pesquisa em Comunicação” será o tema central discutido no evento deste ano, que acontecerá na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj).

O pesquisador e professor do Ielusc Pedro Russi apresenta no dia 8 o texto “Comunicação para Cidadania”. Sua pesquisa é sobre os processos comunicacionais no cenário das migrações contemporâneas do Mercosul – imigrantes uruguaios no sul do Brasil. Dia 9 ele coordena a mesa de um dos núcleos de discussão. Russi acredita que a participação no congresso da Intercom é fundamental para o aprimoramento de qualquer pesquisador: “O evento é importante para o profissional expor e se expor”, ressalta. “A troca de experiências entre os profissionais revela como está o nosso conhecimento e contribui para novos olhares e posicionamentos”.

A professora de publicidade e propaganda Lígia Zuculoto também estará no congresso da Intercom, mas não irá apresentar trabalhos. Silnei Scharten Soares, professor de cinema e pesquisador, participa nesta semana em São Paulo do encontro de “Semeosfera”, organizado pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-SP). Silnei apresenta um texto sobre o filme “Corra, Lola, Corra”.

A presença dos educadores e profissionais do Ielusc nesses grandes eventos demonstra a preocupação da instituição em qualificar o seu corpo docente. O coordenador do curso de publicidade e propaganda, Pedro Ramirez, lembra que apesar de a faculdade não ter obrigação legal de produzir conhecimento, está moralmente comprometida com essa função. “Embora o Ielusc seja uma instituição pequena, não estamos isolados do mundo. A presença dessas pessoas nesses eventos contribui não apenas para o processo de discussão científica, mas principalmente para novos conceitos educacionais”, enfatiza.

800x600. ©2005 Agência Experimental de Jornalismo/Revi & Secord/Rede Bonja.