Revi Bom Jesus/Ielusc

>>  Joinville - Segunda-feira, 15 de julho de 2024 - 05h07min   <<


chamadas

Matéria 1145, publicada em 20/05/2005.


Joinville, 19 de maio de 2005.

OF/DG/024/05

Ao

Ilmo. Sr. TONINHO NEVES

Radialista da Rádio Colon FM

Programa “Primeira Página”

Nesta Prezado Senhor,

A respeito do seu comentário, veiculado nesta emissora no programa supra, edição de 17 de maio/05, o Instituto Superior e Centro Educacional Luterano BOM JESUS/IELUSC tem a considerar:

1.Na condição de único Curso Superior de Jornalismo de Joinville, autorizado pelo Ministério da Educação pela Portaria nº 2241, de 19/12/1997, e reconhecido através da Portaria nº 3038, de 28/10/1998, refutamos sua tentativa de desqualificar esta Instituição chamando pejorativamente de “cursinho que está formando frustrados”. O BOM JESUS/IELUSC está amparado numa experiência secular com a educação na sociedade joinvilense, cujo compromisso sempre foi pautado pela ética, busca da qualidade e responsabilidade social. O BOM JESUS/IELUSC é mantido pela maior comunidade luterana da América Latina.

2.O cidadão Juliano André Medeiros de Souza, que assina a carta “Rádio em Joinville”, publicada pelo jornal A Notícia (edição 16/05/05, página 2) não é aluno do BOM JESUS/IELUSC, nem nunca foi. Uma das regras elementares, caro radialista, do bom jornalismo é “checar as informações”. Isto, definitivamente, V. Sa. não se deu o trabalho de fazer neste caso ao encetar seu comentário ao missivista – a quem o Sr. deduz ser “certamente ex-aluno de um cursinho de Joinville”(???);

3.O Curso de Comunicação Social do BOM JESUS/IELUSC, com habilitações em Jornalismo e Publicidade e Propaganda, tem um quadro docente composto hoje por 38 professores assim distribuídos: oito doutores, 18 mestres, oito especialistas e quatro graduados, cuja produção científica é reconhecida nacional e internacionalmente. Como um exemplo, publicamos a revista científica “Rastros”, que tem conceito “A” pelo Sistema QUALIS (Regional Sul) do Ministério de Educação. A base do projeto pedagógico do curso está amparada nas ações articuladas de ensino, pesquisa e extensão, sob um referencial ético e humanístico. Praticamos, aqui na Instituição, Sr. Radialista, os valores do respeito à pessoa humana, da solidariedade e trabalhamos com os alunos e alunas a consciência acerca do papel social que os profissionais da comunicação devem ter perante a sociedade;

4.Por fim, um dos objetivos centrais do Curso de Comunicação desta Instituição é qualificar o mercado profissional, formando cidadãos éticos e de elevada consciência sobre o papel que os meios de comunicação têm no contexto da sociedade contemporânea, especialmente porque trabalham – no caso das emissoras de rádio e televisão – com concessões públicas. E a informação, Sr. Toninho Neves, é um bem público por excelência.

Cordialmente

DR. TITO LÍVIO LERMEN

Diretor Geral

800x600. ©2005 Agência Experimental de Jornalismo/Revi & Secord/Rede Bonja.